Um novo estudo da Universidade de Londres e da Saúde Pública inglesa concluiu que uma única dose da vacina da Pfizer será suficiente para aqueles que já tenham contraído a Covid-19.

De acordo com esta investigação, uma única dose da vacina é suficiente para aumentar a quantidade de anticorpos numa pessoa que já tenha padecido da doença.

O estudo envolveu 51 profissionais de saúde que tinham sido submetidos a testes regulares de infeção e anticorpos desde março. Cerca de metade já tinham sido infetados com o novo coronavírus e para eles uma única injeção da vacina Pfizer aumentou consideravelmente a quantidade de anticorpos presentes no seu organismo, em comparação com a quantidade que possuíam antes de levarem a injeção.

Além disso, a investigação concluiu que estes ficaram com mais proteção do que os que teriam sido administrados com duas doses da vacina e que nunca tinha tido a doença.

A vacina Pfizer está entre as que estão a ser distribuídas no Reino Unido. Mais de 19 milhões de pessoas em todo o mundo, o que corresponde a um terço da população adulta mundial, já recebeu pelo menos uma das duas doses da vacina, desde dezembro.


IN:NM