Uma mulher ficou num pranto quando descobriu, no dia do casamento do filho, que a mulher com quem este ia casar era na verdade a sua filha, há muito desparecida.

A mulher, mãe do noivo e da noiva, desatou a chorar, quando viu uma marca de nascença na mão da noiva. O incidente aconteceu na província de Jiangsu, na China.

Depois da descoberta, e segundo conta o Times Now News, a mulher aproximou-se dos pais da noiva e perguntou-lhes se a filha tinha sido adotada há mais de 20 anos. Estes terão ficado boquiabertos com a questão, dado que este era um segredo que só a família sabia. Acabariam por revelar que adotaram a criança depois de a terem encontrado abandonada na berma de uma estrada.

Quando a verdade foi descoberta, a noiva não terá escondido a sua felicidade e descreveu-a até como "uma felicidade maior do que a do próprio casamento".

E se pensa que o casamento foi cancelado, desengane-se.

Depois de perder a filha e após anos a procurá-la sem sucesso, a mulher acabou por adotar um menino na esperança de conseguir esquecer a dor de ter perdido a sua filha. Significa isto que o noivo não era filho biológico da mulher e que, apesar de estranho, os dois acabaram mesmo por casar-se, dado que não existe nenhuma relação de consanguinidade entre os dois.

"Foi um alívio", terá partilhado a noiva, que não só descobriu a sua verdadeira mãe como está agora casada com o amor da sua vida.


IN:NM