1. #1
    Avatar de Lordelo
    Registo
    Aug 2007
    Idade
    72
    Posts
    20.575

    Padrão Homem recusa dar lugar no autocarro a mulher grávida e dá justificação que gera revolta



    Um homem foi criticado após ter recusado ceder o lugar no autocarro a uma mulher grávida, argumentando que a culpa da mulher estar grávida não é sua.

    O homem, citado pelo The Daily Mirror, contou que o seu trabalho o obriga a permanecer em pé durante as 10 horas de trabalho e que valoriza realmente o tempo que vai sentado no autocarro até casa, uma vez que depois da paragem ainda tem 20 minutos de caminhada pela frente.

    Alguns passageiros revoltaram-se com a atitude do homem, mas este acabou por defender a sua posição.

    No 'Reddit', o homem contou que a mulher o abordou, mas este recusou justificando-se com o facto dos seus pés estarem doridos.

    Com a atitude do homem, a mulher começou a chorar dizendo que era mãe solteira, ao qual este lhe respondeu que foi uma escolha pessoal.

    O homem partilhou publicamente a história na esperança de encontrar apoio, mas as opiniões dividiram-se com alguns internautas a concordarem que o homem não tinha feito nada de errado e outros que criticaram fortemente a atitude.


    IN:CM

  2. #2
    Avatar de mjtc
    Registo
    Feb 2010
    Posts
    9.450
    Compreendo a atitude do homem, estar 10 horas em pé não é fácil. Mas por outro lado, se as pessoas em vez de criticarem, podia ter dado um lugar a senhora grávida.

  3. #3

    Registo
    Sep 2006
    Idade
    43
    Posts
    11.816
    Citação Postado originalmente por mjtc Ver Post
    Compreendo a atitude do homem, estar 10 horas em pé não é fácil. Mas por outro lado, se as pessoas em vez de criticarem, podia ter dado um lugar a senhora grávida.
    Sou da mesma opiniao.
    Isto de dar lugar,ter prioridades e afins leva mta discussao. Gravidez nao é doença.

    Compreende-se algumas situaçoes como é óbvio,nao podemos ser radicais.
    Como por exemplo o caso das vacinas entao vejamos.
    Os primeiros a tomar a vacina foram as pessoas da linha da frente,concordo em absoluto e acho que ninguem discordará disso.
    A seguir foram os mais idosos,e eu pergunto entao pk? Entao se sao os mais vulneráveis sao os que deviam de ser protegidos. Pensem comigo que os vai contaminar visto os mais idosos permanecem sempre em casa ou lares? Claro sao as pessoas que obrigatóriamente tem que sair para os seus trabalhos e afins.
    Na minha opiniao seria a entidade trabalhadora que deveria de ser vacinado a seguir para estes nao transmitir aos idosos.
    Lá está sao questoes de prioridade que na minha opiniao por vezes naao está correta.

  4. #4

    Registo
    Sep 2006
    Idade
    48
    Posts
    513
    Eu sempre por opção propiá, sempre dei meu lugar a qualquer senhora gravida nos transportes publicos, ou a deixei passar a minha frente em qualquer fila. Elas aceitarem ou não depende delas obviamente. Porem certo dia estava num supermercado, a acabar de colocar as minhas compras no tapete, quando vem uma menina gravida e sem me dizer nada, agarra nas minhas compras poem elas de lado e começa a colocar as compras dela a frente das minhas. Eu não disse nada, deixei ela fazer o que ela estava a fazer, e quando a caixa ia começar a passar as compras dela, eu pedi para ela parar, agarrei nas compras da gravida, passei elas para tras das minhas, e disse-lhe que se era essa a educação que ela iria dar ao filho/a dela, que tinha pena do filho/a dela, e apesar dela andar a reclamar e a chamar-me alguns nomes que aqui não vou referir não a deixei passar. Porque no meu entender se queres respeito, tens de mostrar respeito tambem.

  5. #5

    Registo
    Sep 2006
    Idade
    43
    Posts
    11.816
    Citação Postado originalmente por moitamen Ver Post
    Eu sempre por opção propiá, sempre dei meu lugar a qualquer senhora gravida nos transportes publicos, ou a deixei passar a minha frente em qualquer fila. Elas aceitarem ou não depende delas obviamente. Porem certo dia estava num supermercado, a acabar de colocar as minhas compras no tapete, quando vem uma menina gravida e sem me dizer nada, agarra nas minhas compras poem elas de lado e começa a colocar as compras dela a frente das minhas. Eu não disse nada, deixei ela fazer o que ela estava a fazer, e quando a caixa ia começar a passar as compras dela, eu pedi para ela parar, agarrei nas compras da gravida, passei elas para tras das minhas, e disse-lhe que se era essa a educação que ela iria dar ao filho/a dela, que tinha pena do filho/a dela, e apesar dela andar a reclamar e a chamar-me alguns nomes que aqui não vou referir não a deixei passar. Porque no meu entender se queres respeito, tens de mostrar respeito tambem.
    Mas a lei nesses casos a "grávida" nao pode ir á tua frente independentemente se te pediu ou nao?

  6. #6
    Avatar de mjtc
    Registo
    Feb 2010
    Posts
    9.450
    Todos sabem que devemos dar prioridade por lei a todas as pessoas que tem limitações físicas ou grávidas e idosos. Agora o que me surpreendo nesta notícia foi o pessoal reclamar e ninguém teve a bondade de conceder lugar a mulher grávida. O homem em causa tinha 10 horas em pé. Existem muitos trabalhos que se está muitas horas seguidas em pé, sem descansar os pés, e ao final do dia, está estourado, com os pés doridos. Neste caso, compreendo porque o homem quis aproveitar o tempo para casa, sentado no autocarro, e além disso, tinha 20 minutos a pé para casa.

Tópicos Similares

  1. Homem ataca mulher grávida em plena luz do dia
    Por Lordelo no fórum Internacionais
    Respostas: 0
    Último Post: 22-03-2021, 11:36
  2. Respostas: 0
    Último Post: 13-09-2020, 10:34
  3. Respostas: 0
    Último Post: 27-08-2020, 10:36
  4. Pai de juíza gera revolta na prisão
    Por kokas no fórum Arquivos
    Respostas: 0
    Último Post: 30-07-2013, 09:06

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •  

Conectar

Conectar