• Olá Visitante, se gosta do forum e pretende contribuir com um donativo para auxiliar nos encargos financeiros inerentes ao alojamento desta plataforma, pode encontrar mais informações sobre os várias formas disponíveis para o fazer no seguinte tópico: leia mais... O seu contributo é importante! Obrigado.

Criador de botnet com mais de 30 milhões de PC condenado a 4 anos de prisão

florindo

Administrator
Team GForum
Entrou
Out 11, 2006
Mensagens
38,807
Gostos Recebidos
57
ng1238923_435x190.jpg


Criador de botnet com mais de 30 milhões de PC condenado a 4 anos de prisão

O criador de um botnet com mais de 30 milhões de computadores, utilizados para o envio de spam, foi condenado a quatro anos de prisão
Este foi o resultado do julgamento de Georgiy Avanesov, um cibercriminoso russo de 27 anos, que foi considerado pela justiça da Arménia, país onde foi detido em 2010, de ser culpado pelo crime de sabotagem informática.
Segundo avança a BBC, Georgiy Avanesov era o responsável pelo botnet [rede de computadores zombie] Bredolab, composto por mais de 30 milhões de computadores infectados e que iniciou actividades em 2009.
No seu pico de actividades esta rede de computadores chegou a ser utilizada para o envio de mais de três mil milhões de mensagens de spam por dia.
Além de ter criado este gigantesco botnet, Georgiy Avanesov lucrava cerca de 100 mil euros por mês com ao Bredolab, fosse a trabalhar para si ou alugando-a a outros cibercriminosos, acrescenta a estação britânica.
O botnet apenas começou a ser desmantelado em Outubro de 2010, quando as autoridades holandesas conseguiram ganhar controlo da rede e identificar o seu autor.
Na altura Georgiy Avanesov ainda tentou recuperar o controlo do botnet, lançando um ataque contra as forças policiais que estavam por detrás da investigação, mas não conseguiu.
No mesmo ano de 2010 acabou por ser detido num aeroporto arménio e esta semana um tribunal local condenou-o a quatro anos de prisão.


SOL
 
Topo