Notícias Reciclagem vai retirar cerca de mil toneladas de resíduos de praias moçambicanas

Roter.Teufel

Sub-Administrador
Team GForum
Entrou
Out 5, 2021
Mensagens
21,453
Gostos Recebidos
904
Reciclagem vai retirar cerca de mil toneladas de resíduos de praias moçambicanas

img_900x508$2021_10_30_07_57_39_1095419.jpg


Projeto também vai consciencializar a comunidade sobre a deposição de lixo.

A Associação Moçambicana de Reciclagem (Amor) estimou esta sexta-feira que cerca de mil toneladas de resíduos sólidos diversos serão removidos de praias de seis municípios moçambicanas, nos próximos dois anos, para serem reciclados.

"Vamos levar avante o projeto de reciclagem dos resíduos sólidos nos municípios de seis municípios, só nos próximos anos vamos conseguir reciclar cerca de mil toneladas, como forma de combater a degradação do meio ambiente e ecossistema marinho", disse esta sexta-feira o presidente da Amor, Stephane Temperman, em declarações aos jornalistas na Beira.

De acordo com o responsável, trata-se de um projeto implementado pela Amor com o financiamento do Governo do Reino Unido e apoio da Ocean Risk and Resilienc Action Alliance (ORRAA), que assume o objetivo de reduzir a quantidade de resíduos sólidos ao longo das praias do país, gerando rendimento às comunidades locais com a compra desses resíduos em seis municípios das províncias de Maputo, Sofala, Inhambane e Cabo Delgado, todas nas zonas costeiras.

Além de contribuir para a proteção da biodiversidade e saúde das espécies marinhas, o projeto também vai consciencializar a comunidade sobre a deposição de lixo.

"Há várias questões ambientais que nos preocupam (...) De forma concreta, começamos com essas ações quando uma vez chegou a mim uma inquietação, por parte de algumas pessoas, que uma vez pescaram camarão com muito lixo. Por isso precisamos criar condições para reverter essa situação através desse projeto e outras ações", disse Temperman.

O responsável acrescentou que, para além da limpeza nas praias, a iniciativa vai ajudar as famílias, que vão vender, após pesagem, os resíduos sólidos removidos nessas praias, contribuindo para o fortalecimento da economia local.

O representante do Conselho Municipal da Beira, Fernando Mavone, defendeu tratar-se de um projeto que vai ajudar à limpeza das praias do país, nomeadamente as da província de Sofala, contribuindo para a redução da poluição e melhoria do ambiente, assim como garantiu o apoio da município a este programa.

"A iniciativa é muito boa. Estamos preparados para dar alguma assistência de modo a que trabalhemos em harmonia. Esperamos que em conjunto possamos melhorar o meio ambiente nas nossas praias, que as pessoas estejam mais sensibilizadas em relação a esse aspeto, pois um ambiente ou praia limpa é um lugar seguro para todos nós", concluiu.

Correio da Manhã
 
Topo