• Olá Visitante, se gosta do forum e pretende contribuir com um donativo para auxiliar nos encargos financeiros inerentes ao alojamento desta plataforma, pode encontrar mais informações sobre os várias formas disponíveis para o fazer no seguinte tópico: leia mais... O seu contributo é importante! Obrigado.
Odisseias

Suspeitas de engate falhado

Rotertinho

GF Ouro
Entrou
Abr 6, 2010
Mensagens
7,838
Gostos Recebidos
7
Albufeira: PJ investiga violação de inglês à saída de bar gay
Suspeitas de engate falhado

A Judiciária quer conhecer em pormenor a extensão das lesões sofridas por Michael (nome fictício), o inglês de 30 anos que apresentou queixa contra dois homens por o terem violado junto a uma discoteca gay na rua dos bares da zona da Oura, em Albufeira, na madrugada de sábado. Isto porque os investigadores não excluem a hipótese de ter havido um consentimento inicial do britânico – num cenário de engate que descambou em violência sexual. As respostas para este caso podem estar nos exames médico-legais, que só deverão ser realizados esta semana.

"Neste momento há muita coisa em aberto" no que toca ao apuramento das circunstâncias em que o crime terá ocorrido, conforme o CM apurou ontem junto de fontes próximas da investigação. Em toda a região algarvia não há memória de uma situação idêntica.

A vítima, recorde-se, garantiu às autoridades ter sido agarrada por dois homens e violada por ambos, junto à Pride Disco, que na altura – cerca das 04h00 de anteontem – já se encontrava encerrada. Isto depois de ter conhecido os dois homens dentro da discoteca.

A dupla violação terá ocorrido em plena rua, num recanto que dá acesso a umas casas de banho. Trata-se de um local absolutamente discreto, até porque o referido estabelecimento se situa no primeiro andar do Aldeamento Vilanova e onde, àquela hora, não passa ninguém. Além disso, ao que o CM conseguiu apurar, no local não existem câmaras de video-vigilância que possam comprovar o que efectivamente sucedeu.

Michael apresentou queixa na GNR de Albufeira, pelas 9h30 de anteontem. Testemunhas que o viram nessa manhã referiram que "ele estava dorido e caminhava com muita dificuldade", o que é compatível com as agressões sexuais de que garante ter sido alvo. Entretanto, a PJ tenta identificar e localizar os suspeitos.

O britânico divide a sua vida entre Albufeira e o país de origem. E muitos seguros de viagem de cidadãos britânicos cobrem situações em que sejam vítimas de crimes sexuais.


Correio da Manhã
 
Topo